Skip to main content

Tutores devem ficar atentos à troca de dentes dos pets, alerta veterinária

25/07/2017

Dentes permanentes em cães e gatos aparecem entre o quarto e sexto mês; casos de dentes duplos exigem a extração do dente de leite.

Assim como os seres humanos, em nossos aminguinhos pets os cuidados com a saúde devem ocorrer desde o nascimento. E, ficar atento à troca dos dentes, pode ajudá-los a evitar infecções nas gengivas.

Segundo a comerciante Márcia Ribeiro, ela percebeu que sua cachorrinha, Babaloo, tinha trocado os dentes deixando a gengiva mais sensível. “Já tinha um pouco de informações sobre a troca de dentes. Quando percebi que a gengiva estava irritada, passei a dar ração amolecida. Agi como se fosse com um humano, que também tem dificuldade para se alimentar caso a gengiva esteja irritada”.

Primordiais para que os pets façam uma boa alimentação, os dentes permanentes surgem entre o quarto e sexto mês, segundo a médica veterinária Ana Cláudia Braga. Ela alerta para alguns cuidados a serem tomados neste período, e orienta aos tutores a ficarem atentos às mudanças de comportamento dos animais. “Neste período, o animal pode sentir dor quando os dentes permanentes estão nascendo e o apetite pode diminuir, por isso o dono deve ficar bastante atento”.

Um dos aspectos que devem ser observados, além do apetite do animal, é quanto à possível coceira que pode surgir quando os novos dentes estão nascendo. “Os bichinhos também sentem a coceira neste local e eles podem passar a morder vários objetos. É importante que o tutor forneça um mordedor, pois ele precisa aliviar esta coceira. Em caso de infecção, é importante levar o animal a um veterinário para verificar qual o tratamento adequado”, explica a veterinária.

Logo com o surgem os dentes permanentes, os cuidados com a higiene bucal se redobram, exigindo mais atenção à escovação; sempre com creme dental apropriado aos animais. “Às vezes ocorrem de ficar os dois dentes; que são os chamados dentes duplos, onde nasce o novo e o velho não cai, pode ocorrer acúmulo de alimentos e propiciar o surgimento de tártaros. Por isso é necessário a atenção a mais na escovação”.

Fonte: G1 Grande Minas



Comente

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Fale Conosco

Atenção! No momento não estamos realizando resgates solicitados por e-mail ou telefone. Pedimos a gentileza de não insistirem.

Contatos


Qual é o motivo do seu contato? Veja se a sua dúvida está aqui!

Endereços e Telefones

Não divulgamos publicamente o endereço do abrigo. Lamentavelmente
o número de abandonos em nossas portas é alto.

Devido a grande demanda de visitas e ligações estamos fazendo inicialmente o contato somente por e-mail. Obrigado pela compreensão!

Colabore Conosco!

Banco do Brasil
Agência: 0104-x | Conta-corrente: 89292-0

Caixa Econômica Federal
Agência: 3044 | Operação: 013 | Conta Poupança: 17486-6

PagSeguro
Clique aqui para doar usando cartões de crédito, débito em conta ou boleto.