--> Secretaria Municipal de Saúde divulga o Relatório Descritivo de Atividades do Programa de Controle das Leishmanioses 2017 | Apelo Canino Skip to main content

Secretaria Municipal de Saúde divulga o Relatório Descritivo de Atividades do Programa de Controle das Leishmanioses 2017

29/08/2017

O município de Montes Claros é classificado, segundo critérios do Ministério da Saúde (MS), como de transmissão intensa para Leishmaniose Visceral (LV) com a média de 21,6 casos humanos confirmados no período 2012-2016, totalizando 108 casos (incidência em 2016 de 7,8/100.000 habitantes) e 8 óbitos no período (letalidade de 7,4%).

A estratificação de risco do município, considerando o quinquênio 2012/2016, demonstrou dos 19 setores que compõem a área urbana, 01 de transmissão moderada, 16 de transmissão esporádica e 02 silenciosos (sem registro de casos humanos). Ocorreram 06 casos na zona rural no período.

Segundo as recomendações do Manual de Vigilância e Controle da LV, as medidas devem ser diferenciadas para cada situação epidemiológica. Sendo assim foram implementadas em 2017, as medidas de controle para o setor 01, classificado de risco moderado, com inquérito canino censitário, controle químico vetorial parcial, orientações de manejo ambiental e atividades de Educação em Saúde. As mesmas atividades foram mantidas no setor 16, que era classificado como moderado no triênio 2013/2015, e foi alvo de um projeto de pesquisa em parceria com o Centro de Pesquisa René Rachou / Fiocruz MG para avaliar a eco-epidemiologia desse setor e o impacto das medidas adotadas.

Nos 10 setores classificados de risco esporádico ainda não trabalhado estão programadas atividades de Inquérito Canino Amostral se houver disponibilização do Kit para diagnóstico pela SRS e recursos humanos suficientes.

Foram realizadas investigações epidemiológicas em todos os casos humanos notificados para confirmação dos mesmos e definição do local provável de infecção, bem como desenvolvidas atividades de controle químico, inquéritos caninos e atividades de educação em saúde.

Segue abaixo dados das áreas trabalhadas no ano de 2017.

Inquérito censitário canino em setores de transmissão esporádica (caso de LV/óbito)

Localidade Setor Nº de imóveis trabalhados/imóveis com cães Nº de cães examinados Nº de Cães reativos Prevalência (%) Nº de Cães Eutanasiados (%)
Monte Carmelo 17 1096/196 301 48 15,9 37(77,1)
São Geraldo II 07 878/218 369 62 16,8 55(88,7)
Residencial Montes Claros 05 460/133 174 19 10,9 16(84,2)
TOTAL 2.434/487 844 129 15,2 108(83,7)

Inquérito censitário canino em setor de transmissão moderada

Localidade Setor Nº de imóveis trabalhados/imóveis com cães Nº de cães examinados Nº de Cães reativos Prevalência (%) Nº de Cães Eutanasiados (%)
Vila Atlântida I 01 938/208 337 31 9,2 23(74,2)
Bela Vista 01 828/354 382 72 18,8 62(86,11)
Bela Paisagem 01 266/67 95 11 11,6 10(90,9)
Vila São Francisco 01 267/49 75 8 10,6 5(62,5)
Nova Morada 01 534/116 159 16 10,1 10(62,5)
Santa Eugênia 01 336/65 113 11 9,7 9(81,8)
Jardim Eldorado* 01 52/09 09 01 11,1 1(100,0)
Alfeirão 01 65/13 27 10 37,0 1*
Vila Atlântida 02 770/182 247 29 11,7 26(89,7)
Barcelona Park 02 365/71 113 26 23,0 9(34,6)
V. Antônio Narciso 02 490/132 183 12 6,6 11(91,7)
TOTAL 4.911/1.266 1.740 227 13,0 167(73,6)

*Em andamento

Atividades em torno dos casos humanos (Raios)

Localidade Setor Nº de imóveis trabalhados/imóveis com cães Nº de cães examinados Nº de Cães reativos Positividade (%) Nº de Cães Eutanasiados (%)
Vila Itatiaia 08 116/27 46 09 18,7 8(89,00)
Campos Elíseos ZR 14/14 25 03 12,0 2(67,00)
Olga Benário 08 85/31 54 12 22,2 10(83,30)
C.Correa Machado* 07 122/44 68 09 13,2 7(77,70)**
Marcela ZR 56/47 88 35 39,8 21(60,00)
Jardim Planalto 14 51/14 26 03 11,5 2(66,60)
Cidade Nova# 04 92/11 21 03 14,3 1(33,30)
Vila Guilhermina# 04 114/15 21 02 9,5 2(100,00)
Major Prates 05 251/55 93 07 7,5 7(100,00)
Mandacaru ZR 9/9 32 01 3,1 1(100,00)
Maria Cândida 09 40/15 22 04 18,2 0**
Santos Reis 01 265/62 99 25 25,3 18(72,00)
Vila Telma 09 86/19 27 02 7,4 2(100,00)
Roxo Verde 12 236/28 51 12 23,5 7(58,30)
Santa Rita 10 282/60 86 09 10,5 6(66,70)
Ciro dos Anjos 06 417/97 166 13 7,8 2**
Conj. Joaquim Costa 06 61/09 14 00 0,0
Maracanã 06 167/50 81 06 7,4 0**
Vera Cruz 14 123/32 51 06 11,8 0**
CJ. Carlos de Lima 09 371/128 193 32 16,5 0**
Vila S. Frco de Assis 01 52/12 17 02 11,8 0**
Total 2.941/764 1.281 195 15,22 96(49,2)

* Dois casos humanos # Mesmo caso humano, áreas limítrofes.
** Recolhimento de cães reativos em andamento

Trabalho de pesquisa em parceria com FIOCRUZ

  • Realizado inquérito censitário canino
  • Realizadas visitas para orientações de manejo ambiental em 5.175 domicílios;
  • Inquérito entomológico mensal com a captura de aproximadamente 6.700 exemplares de flebotomíneos encaminhados à Fiocruz para identificação das espécies;
  • Ação de limpeza em parceria com equipe de controle de culicideos com a retirada de aproximadamente 25 toneladas de resíduos sólidos (matéria orgânica e poda).
Localidade Setor Nº de imóveis trabalhados/imóveis com cães Nº de cães examinados Nº de Cães reativos Prevalência (%) Nº de Cães Eutanasiados (%)
Independência 16 5.175 1.511 135 8,9 92(68,1)
Total 5.175 1.511 135 8,9 92(68,1)

Atendimento de demanda espontânea para diagnóstico da LVC no CCZ em 2016.

Localidade Mês Nº de cães examinados Nº de Cães reativos Positividade (%) Nº de Cães Eutanasiados (%)
Diversas Janeiro 409 171 41,8 156 91,2
Diversas Fevereiro 516 182 35,3 130 71,4
Diversas Março 374 88 23,5 117 132,9*
Diversas Abril 257 73 28,4 114 156,2*
Diversas Maio 603 130 21,6 116 89,2
Diversas Junho 366 62 16,9 66 106,5*
TOTAL 2.525 706 27,9 699 99,00

*Cães reativos examinados e recolhidos em meses diferentes.

Atividades do Setor de Educação em Saúde para Leishmaniose

  • 240 visitas domiciliares para orientações de limpeza em locais críticos e para convencer proprietários de cães reativos autorizar eutanásia dos mesmos (523 pessoas orientadas)
  • 02 capacitações (17 participantes)
  • 03 estandes educativos (240 visitantes orientados)
  • 05 reuniões técnicas com trabalhadores da saúde ( 117 participantes)

Controle químico

Localidade Setor Nº de imóveis borrifados Cargas gastas
Independência 16 286 318
Vila Atlântida 01 12 17
Bela Vista 01 175 202
Vila São Francisco 01 17 22
Nova Morada 01 09 11
Vila Alice (Eldorado) 01 51 60
Monte Carmelo 17 93 112
São Geraldo II 07 67 78
Vila Itatiaia 08 39 44
Olga Benário 08 86 109
Conj. Correa Machado 07 77 110
Jardim Planalto 14 35 43
Cidade Nova 04 24 38
Major Prates 05 29 37
Maria Cândida 09 52 54
Santos Reis 01 138 149
Alterosa I 09 28 35
Roxo Verde 12 35 28
Santa Rita 10 47 49
Ciro dos Anjos 06 11 11
São Judas I 09 79 94
Maracanã 06 16 13
Conj José Carlos de Lima 09 15 20
Vila S. Francisco de Assis 01 161 206
Marcela ZR 99 146
Campos Elíseos ZR 18 27
Mandacaru ZR 24 33
Total 1.723 1.996

Montes Claros, 22 de agosto de 2017.

Marília Fonseca Rocha
Referência Técnica do Programa de Controle das Leishmanioses

Flamarion Cardoso Gualberto
Coordenador do Centro de Controle de Zoonoses



Comente

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Fale Conosco

Atenção! No momento não estamos realizando resgates solicitados por e-mail ou telefone. Pedimos a gentileza de não insistirem.

Contatos


Qual é o motivo do seu contato? Veja se a sua dúvida está aqui!

Endereços e Telefones

Não divulgamos publicamente o endereço do abrigo. Lamentavelmente
o número de abandonos em nossas portas é alto.

Devido a grande demanda de visitas e ligações estamos fazendo inicialmente o contato somente por e-mail. Obrigado pela compreensão!

Colabore Conosco!

Banco do Brasil
Agência: 0104-x | Conta-corrente: 89292-0

Caixa Econômica Federal
Agência: 3044 | Operação: 013 | Conta Poupança: 17486-6

PagSeguro
Clique aqui para doar usando cartões de crédito, débito em conta ou boleto.